quarta-feira, 9 de março de 2011

RETIRO DE JOVENS DA PIB DO PQ. ANDREENSE!

UHUHUH!!!! FOI UMA BÊNÇÃO!
COM MUITA MINISTRAÇÃO, ORAÇÃO, DINÂMICAS, GINCANAS, SURPRESAS, DIVERSÃO E TUDO ISSO COM ALTO NÍVEL DE BOM HUMOR E TRANSFORMAÇÃO DE DEUS!

Estava frio, mas valeu a pena!

Louvor
"Muvuca"
Pr. Didi e Luzia, contando pontuação das equipes!
Louvor feito na hora!
Todo mundo cantando! Aff...
Alguns esqueceram da letra! rsrsrs
Descontração
Escorrega no sabão!
Só admirando a coragem dos outros!
Limpinhos de tanto sabão!
Eita povo que não gosta de água com sabão!
Tirando um pouco da lama com sabão
Devocional
Curtindo!
Quarto dos meninos. kkkkk

Queridos, vocês são uma bênção! Guardem bem tudo o que aprenderam neste retiro! Deus quer realizar muito mais na vida e família de cada um!

Um comentário:

  1. que Deus possa usar mais e mais os nossos jovense que vem mais projetos pois eles precisam estar envolvidos com a palavra de Deus.

    ResponderExcluir

SEMEANDO AMOR

SEMEANDO AMOR:


“E vós, irmãos, não vos canseis de fazer o bem.”
(2 Tessalonicenses 3:13)



“Quem semeia amor às vezes colhe ódio e indiferença”.


Não significa que as sementes de amor produzem frutos como ódio e indiferença, as sementes dão fruto segundo a sua espécie. Então, como alguém que semeia amor pode colher ódio e/ou indiferença? Outros plantaram estas coisas e nem sempre colhemos o que plantamos.


Dá vontade de guardar as boas sementes do amor ou selecionar minuciosamente o solo em que as lançamos. Sim, isto é comum aos humanos.

É triste ver pessoas que receberam nosso amor e dedicação e retribuírem com indiferença e ódio. Porém, é ainda pior reter as sementes do amor.

Pense comigo, sementes de amor só podem produzir frutos de amor, independente de quem venha colher, o fruto será amor. Dependendo do solo em que é plantada uma semente pode produzir cem, sessenta, trinta por um, ou pode até morrer, mas se brotar produzirá frutos segundo a sua espécie, e é isto que importa.

Lições:

1ª) Se plantarmos amor, o mundo colherá amor e os seres humanos estão precisando de amor, mais do que qualquer outra coisa.

2ª) É uma alegria plantar a boa semente do amor, dá um sentimento indescritível fazer o bem, e devemos alegrar-se com o fato de plantar, independente da colheita, devemos saber que ela ocorrerá em algum momento e em algum lugar.

3ª) Quanto mais plantarmos, mais colheremos, se plantarmos sem muita expectativa de colher a colheita será uma experiência muito mais satisfatória.


Pr. Vítor Pelegrin.

Reflexões diárias para encher seu coração da Palavra de Deus!

Loading...